quinta-feira, dezembro 14, 2006

Gruaaaaurrrr!

Dra. Márcia, cardiologista:

- Quer dizer que seus pais têm problemas cardíacos, seus avós... e você fuma?!
- Sim!
- E já teve bronquite?
- Sim. Dos meus 11 meses até os 11 anos de idade. Ou 12, vai saber...
- Ahn... bem... e sua dieta?
- Praticamente um T-Rex.
- Mas... frutas, verduras... legumes?
- Não conheço, não.
- ...
- Na verdade sei que alguns deles vão nos temperos das minhas carnes e massas. Ajuda?
- Bem... complicado, hem?! Deite-se alí, na maca... e tire a camisa.
- Ok.
- Nossa! Err... quantos... pêlos...
- Quer?!
- Não, brincadeira... agora, relaxe... deixe a barriga mole para eu apalpar.
- Deixar mole é "moleza". Duro é deixá-la "dura"! Sacou, sacou?
- Hahahaha... bem, seu fígado está aumentado. Bebeu ontem?
- Não, só sábado passado.
- ... muito, né?

Dr. Douglas, filho da puta:

- Agora vamos fazer esteira. Seu ecocardiograma está perfeito, um leão!
- Jura? Nossa... não esperava por essa! Que bom!
- Tire a camisa.
- ...
- Hmm... vamos ter que raspar... bastante.
- ... não... por favor... sério, eu vou pra praia logo mais... não...!!!
[dez minutos depois]
- Pronto, Rafael. Tá tudo jóia. 562 metros bem percorridos, porém uma lenta recuperação.
- Mas é porque fumo, né?
- Sim, provável.
- E, doutor... que faço com meu peito? Tipo... parece que vim de Chernobyl!
- É... tá feio mesmo... bem... raspa o resto!
- Que?! Hahahaha, o senhor tá doido?! Imagine!
- Parece mesmo que você veio de Chernobyl. Eu rasparia! Se precisasse, claro.

E essa porra coça, viu?! Nunca mais quero saber do meu coração.
Nem de giletes, cremes depilatórios, nada!
Pro inferno peitos lisos. Isso é coisa pra mulher, po!
Agora to mais paredido com o Felipe Dylon do que com o meu ídolo anterior.
Mentira, ainda estou mais gordo que o muso do verão.

Volto lá pra... quarta feira!
Cheio de urticária e mais "cor de papelão" do que nunca.
See ya.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial